O relato de uma mãe está incentivando mulheres a recuperarem a saúde e a autoestima

Tricia Bryan passou boa parte da vida lutando contra a balança. Contudo, ao ser mãe aos 34 anos de idade, ela decidiu repensar sua relação com o peso. Afinal, durante a gestação de seu primeiro bebê ela ganhou nada menos do que 45 quilos.

A condição tornou a gravidez de alto risco. Tricia inclusive, deu à luz por meio de uma cesariana de emergência. Os médicos ainda tiveram que induzir o procedimento, logo que ela completou 39 semanas de gestação.

Assim que retornou para casa, Tricia passou a sentir muitas dores abdominais. Porém, a mãe de primeira viagem acreditou que fosse algo comum no pós-parto. Todavia, o sintoma era de um cisto pélvico extremamente perigoso.

O tratamento se tornou ainda mais complicado devido a sua pressão alta. “Chegou a um ponto que pensei que tinha um recém-nascido e não seria capaz de criá-lo. Isso me levou a me comprometer de um jeito diferente com minha saúde”, relembrou Tricia, ao Good Morning America.

“Tento me tornar melhor todos os dias. Não só para mim, mas especialmente para meu bebê. É por minha família que me esforço diariamente”, ressaltou. Além disso, a responsabilidade de incentivar o filho a ter uma boa rotina alimentar, também mexeu com ela.

Atualmente, Jack, filho de Tricia, tem 2 anos de idade. “Ele está naquele estágio em que  vê algo na minha boca e também quer. Esse, definitivamente, é um fator determinante em minha alimentação. Saber que os olhinhos dele estão vendo tudo”, ponderou.

Desde que iniciou sua reeducação alimentar, ela já perdeu mais de 30 quilos. Nesse período, Tricia ainda reduziu o uso de alguns remédios. Há mais de dez anos, por exemplo, ela tomava um medicamento para controlar sua pressão arterial, hoje já não precisa mais.

“Percebo a mudança em muitas coisas, desde cruzar as pernas ao sentar até subir ou descer uma escada. Porém, o melhor de tudo é que agora posso pegar meu bebê e dançar com ele”, comemora a mãe que virou exemplo para muitas mulheres.

Reprodução Instagram Hoje, a mãe serve de inspiração para outras mulheres

Nos conte o que você acha!



Source link